06.06.16

22:42

Hoje é segunda-feira, minha faculdade entrou em greve e estou em casa em um ócio eterno. Então pensei que finalmente poderia voltar a escrever por aqui. Saudade de falar sobre a vida, sabe? Falar sobre o meu quarto que por sinal estou conseguindo deixar todo branquinho, com cama no chão, arara de roupas e filtro dos sonhos. Ou falar sobre o quão tedioso é morar no interior, coisa que hoje eu acho tão maravilhoso que nem acredito que um dia pude reclamar, aliás, é só por aqui que tem aquele cheiro de chuva no final da tarde, pôr do sol mesmo no inverno, clima de casa com muita gente e almoço servido cedo.

E foi pensando nisso que nesses dias me dei conta de como é bom agradecer pelas coisas que nós temos, em como somos sortudos por cada gotinha de privilégios que recebemos e que infelizmente não damos valor. Pensei também em formas de dizer que estou grata pela minha vida, por minha vontade de sorrir, por ter com quem sorrir ao meu lado, por ver que sou sortuda pra caramba e que isso é motivo para eu agradecer nos 366 dias desse ano.

Além de estar grata eu também estou com vontade de despejar muito amor, então decidi comprar plantinhas para cuidar, estou em dúvidas se opto por cactos ou margaridas e rosas, confesso que cacto seria mais fácil, mas imaginar brotinhos se abrochando de florzinhas eu já consigo abrir um sorrisão no rosto. Irei deixar no meu home office e já estou me imaginando fazendo os trabalhos da facul em meio a vitalidade da natureza.

Falando em home office e decoração, preciso dizer em como é bom ter lençóis branquinhos, para falar a verdade já uso faz tempos porque sempre sinto o ambiente mais limpo quando está com roupas de cama brancas, mas nesses últimos dias comprei um edredom branquinho e só tem sido amores, tanto com as fotos, como com as noites de sono. Então lá vai um conselho, compre roupas de cama brancas. Vocês não vão se arrepender. Principalmente se vocês forem as loucas das fotos com fundo claro como eu.
Logo depois que comecei a usar roupa de cama branca comecei a fotografar minha mão, porque estou toda boba com o tamanho das minhas unhas, acho que nunca contei por aqui, mas sempre tive problemas em deixa-las crescerem, não sei bem o motivo porque nunca as roí, apenas elas quebravam e eu deixava por isso mesmo. Agora estou tendo um cuidado maior com elas e não consigo mais tirar o esmalte Chic Pele da Colorama e também esses inúmeros anéis.
Sabe a vida? Tenho tanta coisa para contar sobre ela, coisas do dia a dia, coisas mais sérias, mas tem sido boa de viver, calma e com aquela leve acidez que dá aquele balanceado sútil para as coisas ficarem equilibradas. Tem dias que está barra de continuar, mas tem aqueles dias, como hoje, que só quero ser grata por cada palavra, por cada conquista, por cada forma de sentimentos que brota na minha vida, despejando em palavras coisas banais do dia a dia e assim com uma boa música e café com leite vou levando da forma mais simples que posso.

Sou grata por tudo!

You Might Also Like

4 comentários

  1. Q coisa linda,suas palavras parecem musica,q penetram a alma e deixam a planta do amor e da gratidão,q belas palavras e frases,adorei o texto,lindo demais ❤❤❤

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahh, que bom ler isso. Fico feliz que tenha gostado Tai <3

      Excluir
  2. Larissa Furtado07/06/2016 09:07

    Que saudades que eu tava, adoro a forma como vc escreve, sempre nos envolvendo. Espero qque poste com mais frequência agora e não abandone mais seu blog que é tão lindo e inspirador. Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Haha, pode deixar que vou fazer o possível para aparecer por aqui pelo menos duas a três vezes por semana, beijão <3

      Excluir

Popular Posts

Instagram

Inspiração do Dia

Inspiração do Dia